Visualizações de página do mês passado

pratica musical escola de artes

Este é um blog para divulgar minha escola ,meus alunos e a música em geral.Vão encontrar aqui links diversos criados por mim e também os encontrados na internet. "Se algum autor ou detentor de direitos autorais solicitar, o post sob reclamação será removido. "

domingo, 30 de janeiro de 2011

Mudar...Fórmula Subliminar




Você não devia ir embora....não devia ir embora assim....
como se não tivessemos nada a nos falar...
sair na frente sem nem olhar pra trás...não ...
não devia mesmo...
Você não devia ter esse jeito de menino malandro,moleque,cretino,cheio de razão...
essa cara de dever cumprido...esse olhar de me querer...
Não devia ter esse gosto de sonho...esse olhar de sonho real....
não devia mesmo...
Não  devia ficar passando a todo momento por mim e ficar assim...
me olhando como se eu fosse a  oitava maravilha do mundo...
ah...não devia relembrar o amor...
Você não devia atiçar  meu lado mulher...meu lado faminto...
com todos aqueles "duvido e não tens capacidade"...
me jogando contra você...me instigando...
usando todos os seus poderes e feitiçarias, rezas e charmes...
Você não devia ser tão louco!!!!!!!
Contradizendo tudo e todos, me fazendo ficar do seu lado...
estas coisas de ser tão diferente...tão ponto de interrogação...
me deixando tão totalmente transformada num ponto de exclamação....
Você não devia ser tão perdido...dizendo que quer uma coisa e fazendo outra....
Fazendoainda  outra e querendo uma quarta....
Você não devia falar tão francamente...
devia prometer, fazer e acontecer e não dizer tão claramente as coisas as coisas....
sua  sinceridade  machuca...
Não devia se insinuar pro meu lado quando eu estava tão mergulhada em meus problemas políticos...
não devia me chamar atenção pra esses assuntos do coração...
Não devia me cativar dessa maneira, dessa inocência impura,
dessa fé que nos faz tanto rir...
dessa coisa imprevisível e maravilhosa que é tentar o amor dentro do laboratório de física....
Não me beijar tão apaixonadamente...tão entregue...tão indefeso e sem medos....
não devia se abrir tanto...sem rodeios...liiiiiiiiivre....
Não devia ser tão livre,quando todos falam em sistema e rotina...
todos cinzentos e você.......
você verde como a esperança...de coração liberto...
primeira descoberta da minha inocência...
Também não devia ser tão aéreo assim de esquecer que estamos em abril...
num outro outono daquele em 
que começamos cheios de brigas e discussões e caras feias e rancores...
Pois na última primavera de fugidas dos compromissos,onde ficamos atrás das trepadeiras que nos conhecemos melhor...
pois não havia nada mais interessante pra você fazer e aí resolveu 
pegar no meu pé e me desafiar pra um duelo...
onde usamos todas as armas e acabamos assim...sem armas...com vontades de fugas...
É inútil que se afastes...é utopia dizer que vencerei...
Você não devia ter começado essa historia louca...
Você não devia ser tão parecido com uma carga puntual...
tão infinitamente desprezível por fora e com tamanha força interior...
não devia ser tão físico louco...neurótico...parecido comigo...
fazendo com que eu amasse seus defeitos e direitos...
qualidades e superioridades...
Você não devia ter me poetizado...ter se torrnado meu muso inspirador...
ter me transformado em poetiza dependente...
você não devia ser tão machista e tão liberal ao mesmo tempo...
tão proletário e tão burguês
tudo ...de uma só vez...

(in memorian - quem era pra ter lido...nunca leu ...antes disso , morreu e voa livre como a águia da ilustração )

Leitores   desse   blog   , se  é  que  alguém  me  lê , reclamem    pro    meu   amigo
Ricardo Fragoso a enxurrada (ou não...quem pode saber?) de minhas poesias que começa agora...é ele quem anda me instigando a mostrar...a escrever coisas novas, a buscar as minhas coisas antigas...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Itens compartilhados de raquel

Pesquisar este blog

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Porto Alegre, RS, Brazil
Sou um ser tentando evoluir...